Conheça as 11 cidades sede da Copa 2018

A Copa do Mundo 2018 está chegando e nós já estamos nos preparando para assistir aos jogos de futebol que acontecerão na Rússia. O Mundial terá 11 cidades sede, todas situadas na parte europeia do país, e 12 estádios diferentes, dos quais 2 serão em Moscou, capital da Rússia.
Conheça as 11 cidades que receberão os jogos:

Moscou
A Capital possui uma das imagens que é referência da Rússia em todo o mundo: a Catedral de São Basílio, uma das mais visitadas do país.

São Petersburgo
A cidade foi escolhida para ser palco da final da Copa das Confederações e abriga um dos museus mais famosos do mundo, o Hermitage, que é conhecido por seu grande acervo de peças históricas.

Kazan
É a região que possui maior número de muçulmanos em toda a Rússia e conta com uma das principais atrações para os turistas: um complexo do século XVI, que possui a Catedral da Anunciação e a Mesquita Kul Sharif, que simboliza a convivência pacífica entre as duas religiões.

Sochi
A cidade litorânea abrigou os Jogos de Inverno de 2014. Além de ter o Parque Olímpico e um resort para esquiar, o local oferece opões de praias, uma boa opção para visitar durante a Copa, pois será verão na Europa.

Caliningrado
Durante a II Guerra Mundial, Caliningrado foi devastada por bombardeios britânicos. A cidade possui uma região que faz fronteira com a Lituânia: é uma faixa de terra entre o Mar Báltico e o Lago da Curlândia, que dispõe de um grande ecossistema preservado.

Níjni Novgorod
A cidade ficou fechada durante boa parte da existência da União Soviética por conta de pesquisas sobre armas nucleares. Também chamada de “Górki”, em homenagem a um grande escritor russo, a cidade possui uma fortaleza que é um dos locais mais visitados na região.

Samara
A cidade tem pouco apelo turístico, mas possui um dos bunkers secretos do antigo presidente Josef Stalin e foi capital da União Soviética durante a II Guerra Mundial, quando Moscou corria perigo.

Volgogrado
Foi palco da famosa Batalha de Stalingrado, que foi considerada um dos principais pontos da Segunda Guerra, onde a expansão nazista teria sido contida.

Saransk
Possui uma catedral que foi construída no século XXI, mas tem características da arquitetura da época do império russo. Foi batizada de Fyodor Ushakov em homenagem a um comandante da marinha russa.

Rostov-on-Don
A cidade possui uma rua com o nome do poeta Alexander Pushkin e uma estátua em homenagem ao artista.

Iecaterimburgo
Abriga o segundo edifício mais alto do país fora de Moscou, chamado Vysotsky, além da divisa oficial entre a Europa e a Ásia.

Deixe uma resposta